Ozonioterapia

A Ozonioterapia é uma prática terapêutica que utiliza o ozônio, um gás formado por três átomos de oxigênio, para promover a saúde e tratar uma variedade de condições médicas. Trata-se de uma terapia que tem suas raízes na medicina europeia e que, ao longo dos anos, vem ganhando reconhecimento global devido às suas propriedades benéficas.

No tratamento com a Ozonioterapia, o ozônio é geralmente misturado com quantidades variáveis de oxigênio e aplicado ao corpo através de diversas formas, como injeções, insuflações, ou até mesmo topicamente, em forma de óleos ozonizados. Esta prática terapêutica atua estimulando a circulação sanguínea, o sistema imunológico e os processos de regeneração e reparação do corpo.

A Ozonioterapia é reconhecida por sua capacidade de reduzir a inflamação, controlar a dor, melhorar a circulação e a oxigenação dos tecidos, além de possuir ação antibacteriana, antiviral e antifúngica. É utilizada no tratamento de uma ampla gama de condições, como doenças autoimunes, doenças cardiovasculares, doenças do sistema nervoso, feridas e úlceras, entre outras.

No Brasil, a Ozonioterapia foi incorporada como uma das Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) pela Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) do Sistema Único de Saúde (SUS). A inclusão desta prática na política de saúde pública é um reconhecimento de seu valor terapêutico e de seu potencial em contribuir para a promoção da saúde, prevenção de doenças e recuperação da saúde.

As PICS, entre as quais se encontra a Ozonioterapia, visam um cuidado mais integral e humanizado, respeitando a singularidade de cada indivíduo e incentivando sua participação ativa no cuidado de sua própria saúde. Assim, a Ozonioterapia, como uma das PICS, proporciona uma abordagem complementar à medicina convencional, integrando conhecimentos tradicionais e contemporâneos na busca pela saúde e bem-estar.

Em suma, a Ozonioterapia, reconhecida no âmbito das PICS, é uma ferramenta terapêutica que se utiliza do poder do ozônio para estimular os processos de cura naturais do corpo, contribuindo para o cuidado integrativo e o bem-estar do indivíduo.